Nota de repúdio do setor de distribuição de GLP | ASMIRG-BR – Associação Brasileira de Distribuidores de GLP – Imã de geladeira e Gráfica Mavicle-Promo

Nota de repúdio do setor de distribuição de GLP

Aumento de gás de cozinha em 05/05/2019

Consideramos irresponsável da informação distorcida sobre o aumento do gás de cozinha anunciada pelas Companhias Distribuidoras sobre o aumento do gás de cozinha:

A Petrobras publicou ontem em seu site, o aumento do gás de cozinha para uso residencial1, o valor anunciado é de R$ 0,87 por uma garrafa, ou um aumento na refinaria de 3,43%, comparado com o anterior ao aumento.

Em nota de imprensa, as Empresas anunciaram o aumento de forma distorcida, mostrando um reajuste de 3.43% no preço final do gás de cozinha.

“O reajuste fixado entre 3,3% e 3,6%, de acordo com o posto de abastecimento.”

Para o setor de revenda comunicados não são diferentes:

Prezado Distribuidor,

Comunicamos que a partir do dia 05 de Maio de 2019, o preço do Gás LP, em embalagem de 13kg, sofrerá reajuste de 3% a 5%, em função do aumento realizado pela Petrobras, na mesma data.

Quem tem o “casamento” não tem concorrente, o aumento da Petrobras de R$ 0,87 mínimo de dobra de valor, dependendo do preço de compra do Distribuidor. Exemplificamos, se uma revenda compra da esfera de sua Companhia de Seguros, por R$ 55,00, ao aplicar o reajuste 3,43% o aumento real para o revendedor é de R$ 1,90, que passará a comprar o mesmo botijão de gás de cozinha por r$ 56,90.

A Associação Brasileira de Distribuidores de GLP, ASMIRG-BR, a organização nacional representativa do setor revenda reafirma o compromisso com a verdade dos fatos, na luta contra os abusos, lamentamos que a Petrobras ao ver essa forma distorcida de um comunicado de imprensa que não se manifeste, sinto muito por ter um órgão regulador, a ANP, que deve conter os abusos, nem sequer vem a público esclarecer de forma simples que o preço dos combustíveis é livre, que o setor de GLP vive sob o domínio de cinco empresas, que o aumento na Petrobras foi de R$ 0,87 e não de 3,5% sobre o preço de compra do distribuidor.

Alexandre Jose Borjaili

Presidente

Brasileira de Distribuidores de GLP ASMIRG-BR

www.asmirg.com.br

 

1www.petrobras.com.br/pt/produtos-e-servicos/precos-de-venda-as-distribuidoras/glp-residencial/

Share ButtonShare Button

Fonte: www.asmirg.com.br/noticias/2019/05/nota-de-repudio-do-setor-revenda-glp

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *