No Mercado de nutrição esportiva, que cresce 15% a mais que no ano de 2019, o Ímã de geladeira e o Gráfico de Mavicle-Promo

De acordo com a Abenutri, no ano de 2019, o setor de nutrição esportiva, que deve crescer 15%, superando o crescimento do ano anterior

Portugal é um dos países com maior crescimento no sector de suplementos alimentares. De acordo com dados da Associação brasileira de Empresas de Produtos de Nutrição (Abenutri), no ano de 2018, apenas no setor de Esportes, mais do que Nunca, e é uma das quatro unidades de negócio no mercado de um total de cerca de us$ 2,24 bilhões de dólares, crescendo 12% em relação ao ano anterior. Desta forma, espera-se que para o ano de 2019, o setor de nutrição esportiva exceda esse índice, chegando a um crescimento de 15 por cento da população.

Com o aumento do comércio, da Agência Nacional de Vigilância Sanitária ( Anvisa) criou uma nova lei, que foi aprovada no ano de 2018, o que constitui uma das regras específicas para o setor, contribuindo para que o acesso dos consumidores à dos suplementos alimentares seguros e da mais alta qualidade. Além disso, a regulação é o que se deve ter um impacto sobre o crescimento da indústria, a partir de 2024.

Veja Mais

O RAPdos Homens, os brasileiros são os mais envolvidos na rotina de higiene e beleza noMercado, L’Oreal, que adquire as marcas de luxo, Azzaro e o Luxodos Medicamentos eas diferenças entre o documento de referência de medicamentos genéricos e similares

Desta forma, o presidente da Abenutri, Rainer Maria, afirma que ” há muito otimismo no mercado de nutrição esportiva, que este ano será dado aos recursos. “Estou convencido de que não haverá em Portugal mais de investimento no setor, com um aumento da confiança dos investidores nacionais e internacionais, com o novo modelo de gestão político-econômica. Os investimentos que devem ser consideradas para a compra de matérias-primas, a maior das importações e das novas plantas de produção no País”, afirma por sua Família.

O potencial de crescimento é enorme. Isto é devido a que, entre 55 e 60 milhões de pessoas que praticam atividade física no País, e apenas 10% deles consomem suplementos. Já em relação ao perfil de comer, e Jacó, no qual se explica que 80% dos jovens entre os 15 e os 30 anos de idade, dos quais 80% são homens e 20% das mulheres de classes sociais, de a a D.

De acordo com o presidente da Abenutri, as investigações mais recentes sugerem que os suplementos mais vendidos são os da proteína, que tem 60 por cento das vendas, dos quais 40%, o que significa que os produtos em forma de pó, e um 5% de líquidos, e 15 por cento das barras de proteína.

Foto: Shutterstock Fonte: Abenutri

Compartilhar:

Fonte: guiadafarmacia.com.é/mercado-de-comida-em esportes-tinha crescido para 15 no ano de 2019

Fonte: imadegeladeira.com/o-mercado-de-nutricao-esportiva-crescera-15-a-mais-que-no-ano-2019

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *