A Eurofarma adquire a linha de produtos da Stein e reforça a sua presença na América Central | Panorama Farmacêutico – Imã de geladeira e Gráfica Mavicle-Promo

Presente
em mais de 20 países da América Latina, a farmacêutica Eurofarma adquiriu a linha de
a prescrição médica do laboratório Stein, cuja sede se situa na Costa Rica. Assim, a
empresa adiciona 90 produtos de sua linha e marca presença em mercados como o
o da própria Costa Rica e Honduras, além de reafirmar, na Guatemala e em
Equador.

Esta
a aquisição reforça o plano de internacionalização iniciado em 2009. A
vice-presidente de Sustentabilidade e Novos Negócios da empresa, Maria do
Pilar Muñoz, explica que a recente compra vai ajudar a aumentar as vendas
internacionais. “Nos últimos anos, graças ao aprendizado que tivemos, refinamos
nosso modelo, nós estabelecemos alguns mercados como prioritários e fizemos
prospecções de forma ativa. Com esta transação, saltaremos da 33ª para a 16ª
posição de mercado na América Central”.

Entre
os novos produtos, estão analgésicos, medicamentos para o coração,
gastrointestinais e respiratórios. Em princípio, a produção ainda será feita
por Stein, mas a expectativa é de que grande parte da linha de produção seja
transferida para a Eurofarma na Guatemala.

A
farmacêutica, que é a segunda maior empresa da prescrição e a terceira em
genéricos no Brasil, teve em 2018 cerca de 13% das vendas das operações
internacionais, e a previsão é de que chegue a 30% até 2022. O gerente de M&A
e Corporate Venture da Eurofarma Quadro Billi, explica que a Stein tem
muita presença nos mercados onde a participação da empresa, até então, era tímida,
ou seja, haverá uma intensificação no objetivo.

Para ajudar neste trabalho, cerca de 100 funcionários de Stein integraram a equipe de propaganda médica da Eurofarma. Desta forma, a farmacêutica passa a ser um dos cinco principais concorrentes de capital latino-americano na América Central.

Fonte: Revista da Farmácia

Fonte: panoramafarmaceutico.com.br/2019/02/15/eurofarma-adquire-linha-de-produtos-stein-e-reforca-presenca-na-america-central

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *